sexta-feira, 18 de outubro de 2013

Mais sobre Lual: 2ª transformação capilar

vou começar o post pela segunda transformação porque não encontro fotos da primeira, que na verdade nem foi tão radical assim. tinha o cabelo na altura da cintura e cortei mais ou menos abaixo do queixo.

mas vamos falar dessa aqui embaixo, em meados de outubro de 2008...
já devo ter comentado por aqui, mas sempre tive o cabelo comprido e com reflexos loiros. acontece que a vida vai passando, se transformando e algumas coisas mudam. uma dessas coisas foi a coragem de cortar as madeixas. é claro que, para quase toda mulher, essa transformação, quando é radical, é mais do que uma mudança de visual. mexe demais com auto-estima e desejo de mudança em geral. pra mim não foi diferente! bom, pelo menos não dessa segunda vez, já que a primeira foi por pura empolgação... eu estava no fim de um relacionamento super complicado e tinha acabado de pedir demissão do emprego. era um momento de reflexão sobre voltar a morar em brasília de mala e cuia ou continuar aqui no rio. numa viagem a bsb, fui com as amigas ao salão e pronto! cortei!!!! e não é que depois disso a vida realmente deu um twist duplo carpado? estava com data mais ou menos prevista pra voltar pra brasília - março de 2009. mas aí, em janeiro, acabei conhecendo o meu neguinho. (pausa para o nhóóóóin coletivo) e pra deixar a coisa ainda mais melosa, a nossa história é bem engraçada! eu sou forrozeira, né? alguém sabia disso? bom, sempre frequentei o forró e via o ramon por lá. paquerava, mas ele nem "tchun" pra mim. sou meio tímida, então deixei o tempo passar. daí arrumei esse namoro aí complicado e, quando terminamos, voltei a frequentar os forrós. nesse dia, 8 de janeiro, fui com um amigo ao forró e adivinhem quem estava lá? fiquei de olho no ramon de novo (até hoje ele jura que foi ele que me viu primeiro). fiz questão de me posicionar estrategicamente em lugares bem visíveis aos olhos dele. e aí foi questão de tempo. pasmem: na hora de ir embora ele me perguntou: oi, você tem 5 minutos? minutos esses que já duram 4 anos e 9 meses. apesar dele olhar minhas fotos antigas e jurar que eu fico linda de cabelos compridos, só depois da transformação é que eu me fiz notar. 
então, né? essa história toda é só pra comprovar que transformações são difíceis, mas podem acabar trazendo coisas super fantásticas também! e não foi uma questão de cabelo! fui eu, mais leve.

inclusive, todas as transformações depois dessa aí foram bem mais fáceis e leves!

antes:


durante:


depois:


com escova:


natural (mas em brasília ele fica mais liso):

3 comentários:

Clarissa Carino disse...

Nossa, que coragem para essa transformação, hein? Seu cabelo era lindo, mas ficou ótimo depois do corte, também!

um ps.: você é forrozeira e mora no Rio? então provavelmente já nos esbarramos, porque eu também! kkk
Lagoinha? Democráticos? conhece? provavelmente, né...

Beijos!
Clá
|blog uma garota carioca|

Anônimo disse...

olha eu, olha eu!!
foi bem legal esse dia. esse corte ficou muito bom!
saudade.

=)

Ana Paula Florentino disse...

Oi Lual! Também acredito no poder das mudanças para a vida "ir para a frente". E um corte de cabelo pode ter esse poder, sim. Todos anos, quando chega o meu aniver, costumo mudar o corte. Já fiz mudanças maiores, como cortar ele mais curtinho, mas nem chega perto da sua! Ficou muito bom esse corte curtíssimo em você, parece até outra pessoa! E o bom é que cabelo cresce...quando enjoar, é só mudar novamente! Beijão! :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...